Prefeitura Municipal de Boa Esperança

Você sabia?
Imprimir Email

Institucional

Manuscrito de Lamartine Babo

por Ascom

23/04/2013 17:31

Manuscrito de Lamartine Babo

Doados pelo seu destinatário Carlos Alves Neto à Casa da Cultura . Consta de 02 (duas) missíveis completas (uma de 02 folhas e outra de 03 folhas) fo famoso compositor Lamartine Babo ao esperancense citado . As folhas são em papel timbrado “ Lamartine Babo” e datam de 1.936 Rio de Janeiro . Foi através dessas correspondências que um dos maiores nomes da MPB (Música Popular Brasileira) conheceu Boa Esperança, apaixonou-se por ela e compôs a imortal canção “Serra da Boa Esperança”. São as lembranças mais vivas de um episódio inusitado e os únicos documentos originais que restaram do relacionamento dos amigos LAMARTINE BABO E CARLOS NETO. Todas as outras foram destruídas.

Para que esta interessante história pudesse ser preservada e as futuras gerações visualizassem algo concreto que contasse este episódio, estas cartas forem protegidas especialmente pelo município. Elas são tombadas pelo Decreto Municipal  nº 527 de 21/08/97 no seu livro de tombo de nº 002/97.

MONUMENTO LAMARTINE BABO

Localização :  Av Marechal Floriano Peixoto

A área de entorno ao bem tombado é constituída por um canteiro central localizado na Av. Marechal Floriano Peixoto, bem no centro da cidade. Constitui de uma escultura do material FIBER GLASS, fibra de vidro de carrocerias de carros de corrida, casco de lanchas de competição e algumas  naves espaciais. Em forma de um violão , tendo ao centro, junto às cordas, o rosto do poeta em bronze e nas laterais um esboço estilizado do violão sustentado por um suporte de concreto.

Assim , artista e cidade estarão sempre juntos e imortalizados: ele no bronze , ela na canção .

Sua escultora foi Leda Sel sin Dei Gontijo que entregou a obra à cidade no seu centenário, na Administração do Prefeito José Lourenço Leite Naves. Lamartine Babo, com a canção “Serra da Boa Esperança”, lançou a pequenina cidade aos olhos do Brasil, em 1.936, quando aqui esteve. Este monumento representa a expressão de gratidão do povo de Boa Esperança a este artista.

Está tombado pelo Decreto Municipal nº 523, de 21/08/97, registrado no Livro de Tombo sob o nº 001/97 e sujeito a proteção especial do município pela Lei 2.063, de 10/04/97.

 



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página